sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo.

Se o ano é novo, vem com uma garantia de dois anos, é de lei. Mas não o estraguem, se faz favor, pois é novo!
Aproveitem a vida.
Beijinhos.
PS: já tirei a verificação, nem sabia que tinha isso. Gracias Alexandra.

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Selinhos

Quem me ofereceu estes selinhos foi a atenciosa Alexandra
Regras:

1. Fazer um post com o selinho no blog

2. Linkar o blog que te ofereceu

3. Escolher entre cinco a dez blogs para homenagear

4. Avise aos seus indicados - considerem-se avisadas/os.

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

De volta ao aconchego do lar.

Noite de Natal: comida à fartazana (digo eu: é só hoje, emborca!).
Dia de Natal: mais comida à fartazana (vá, é só mais hoje). E toda a gente diz que estás mais magra...
Dias seguintes até hoje: olha uma rabanada, olha um pedaço de bolo, ah bombons, come tudo o que vês à frente.
Pois claro, se não estou em casa, a sogra mete tudo na mesa e vá de comer. Caramba, S., vê se atinas, gaja!
Cheguei hoje a casa, depois de ter andado a comer que nem uma lontra esfomeada e depois de apanhar tanto frio que nem a murro saia de um espaço circundante de uma lareira a arder, sem mexer o rabiosque para fazer nada.
Nem sei se engordei, amanhã verei.
O melhor? Já não ter as coisas a vista. Tenho ali uns bombons e um pai natal todo bonito de chocolate, mas estão escondidos.
O pior? As festas ainda não acabaram...Além do Reveillon, festa regada a álcool e a mais comezaina, no dia seguinte há aniversário duplo (moi meme e a minha sobrinha mais velha, as duas com o Karma do aniversário dia 1 de Janeiro) e mais comezaina.

Amigas, a ver se não incho, que estou mesmo como gosto.

PS: resolvi fazer madeixas, pedi para pôr um tonzinho mais baixo que o meu castanho escuro, e eis que a senhora me pôs quase loira. Caramba, que mudança! Uh!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

E o Natal chegou.

Olá minha gente! Finalmente consigo vir aqui. Andei a sair da Escola às 11 da noite, entrando às 8 da matina. Reuniões em catadupa, um stress desnecessário.
Ontem às 17 horas fiquei livre, embora tenha trabalho para adiantar, pelo menos já só volto à Escola dia 3. Pode ser que entretanto cure a gripe/constipação que já cá anda há um mês.
Portanto, quero desejar-vos um Natal em grande. Hoje vou para o aconchego dos papis, e amanhã pela madrugada lá vou eu à terra do A, cinco horas de viagem e um frio descomunal, (se eu não te amasse tanto assim...) e devo ficar por lá a estremecer e a rogar pragas até quinta feira.
Depois venho finalmente para Lisboa já que tenho o Reveillon e mais um aniversário para comemorar (o que me vale é que tenho ar de chavaleca, até me confundem com as alunas, mas os anos vão contando).
Bom Natal, muita Paz, muito Doce (sim, hoje há doces, concerteza), muito Amor pelos outros e por vocês também.
Obrigada por existirem, adorei conhecer-vos.
Beijinhos

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Melhorando e piorando.


Obrigada pelas vossas mensagens, sois umas queridas!
Já estou melhor, pelo menos sem febre e já não me desfaço em gosma verde (agora que já enojei toda a gente...). Porém continuo com voz sexy e tosse cavernosa. Isto tudo porquê? Porque grito! Porque esforço a minha linda garganta de rouxinol com os adolescentes imberbes.
Hoje passei-me mesmo, tive de andar a lavar pincéis porque ninguém tinha usado os pincéis para pintar...queres ver que pintaram com a língua? Mas com o meu bom feitio, já lhes comuniquei (assim com a voz uns decibéis acima do normal) que para aquela turma não empresto nem um agrafo da Escola. E fiz participação escrita.
Ora, anda uma professora gira e fixe doente, cheia de tonturas, nauseada, com tosse, com o lenço ranhoso por apetrecho e esta gente obriga-me a andar a lavar pincéis com água gelada? Eu que obrigação tenho? E ainda por cima estrago a manicure, catano!
E agora vou dar avaliações. Cheira-me que com esta raiva saem negativas com mais facilidade!

Beijos a todas e quando tiver tempo dou um saltinho nos vossos cantos.

sábado, 11 de dezembro de 2010

Doente.

Dor de cabeça, de costas, 38º febre, tosse com expectoração.

Trabalhar dá saúde? Not really.

Beijinhos, vou hibernar para trabalhar.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Nem sei para onde me viro.


Olá

Época de reuniões, grelhas de excel para tudo e mais um par de botas (desconfio que me vão pedir também uma grelha com a média de vezes que fui à casa de banho), relatórios e questionários. Raios partam esta escola e a burocracia. Nunca tinha visto tal coisa.
E os presentes de Natal? Ai menina Só, tu pelo menos pensa nos presentes dos "piquenos" que o resto vão ser lembranças. Mas vou ter reuniões até dia 23...e com reuniões que duram até às nove da noite, não dá!
A alimentação continua controlada, o exercício é que nem vê-lo.
Bom, vou ali dar com a cabeça numa parede que não seja pladur (não vá fazer um rombo) e já volto!
Bom feriado, pois que o meu vai ser desdobrado em trabalho, almoço em família, cinema (ainda não vi o Mr Potter e já não vou ao cinema há séculos e tenho de relaxar um bocadinho senão fico doida), e mais trabalho.

sábado, 4 de dezembro de 2010

O novo eu.


Quando percebemos que mudámos?
Quando damos por nós a fazer o almoço e a pensar com que vamos acompanhar um bife de perú.
Ora antigamente punhamos natas no bife com cogumelos e acompanhávamos com arroz ou massa.
Batatas fritas nunca foram opção, curiosamente, em casa, porque sempre tivemos noção que só se deviam comer esporadicamente.
Então voltemos ao acompanhamento. Brócolos salteados com alho, com um bocadinho de cogumelos, tomate, milho e ananás.
Melhor: olhamos para as nossas semanas e meses passados e pensamos que fizemos sempre opções parecidas.
Mudámos? Mudámos! E para melhor.

PS: fomos à médica, e ao fim de um mês (relembremos que estamos na fase de manutenção) temos o mesmo peso e descemos a massa gorda. Boa! Não fazia mal descer um bocado mas estamos bem assim.
Nós conseguimos!

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Hello, para falares comigo é olhar para a carinha!

Puxa que uma gaja não pode ir de saia/vestido à rua. Ora é o colega com quem trabalhamos diariamente que nos tira a medida numa troca de palavras sobre trabalho, ora é o raio que o parta de outro com quem trabalhamos esporadicamente, mas que quase deixa cair a baba, ora é um que nem conhecemos e se cruza na rua connosco. And so on.

Já está, era só isto. Precisava de desabafar.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Selinho/questionário.

Questionário da Amizade enviado pela Alexandra.
Data e Hora: 1 de Dezembro de 2010, 09h41

Sobre Mim:
Nome: Susana
Idade: 33 anos
Aniversário: 1 de Janeiro
Emprego: Arquitecta/Professora
Estado Civil: União de facto
Onde vive, casa ou apartamento: Apartamento
Irmãos: 1, mais velho
Animais: não
Fuma: não
Bebe: raramente

Aparência:
Piercings: Sim
Tatuagens: Não
Aparelho nos dentes: Não
Roupas: Calça de ganga. Malhas de inverno, tshirts de verão. Botas.
Cor dos olhos: Azuis esverdeados ou cinzentos, conforme lhe apetecem.
Cor do Cabelo: Castanho

Favoritos:
Cor: Azul
Número: 1, 3 e 7
Animal: Leão
Flor: Orquídea
Comida: Adoro sardinhas grelhadas no carvão, no verão, só com uma fatia de broa e muita salada.
Sabor de Sorvete: Strawberry cheesecake da Hagen daaz
Doce: Todos...vergonhosamente, não há nenhum que eu não goste.
Bebida Alcoólica: Baileys
Tipo de música: Rock, Chill, Alternativa, Heavy melódico, Bossa Nova, etc etc...
Banda/artista: Within Temptation, Gotan Project, Nouvelle Vague, Xutos, Deolinda, Caetano e outros tantos.
Música: Tango - Gotan Project
Livro: Perfume (P.Suskind)
Filme: O Piano
Programa de TV: Sete Palmos de Terra, a melhor série que já vi e me emociona sempre.
Melhor amigo: O meu amor. Em feminino, a Mané.
Dia da semana: Sábado
Clube de Futebol: Sporting, gosto de sofrer.

Vida Amorosa:
Nome da Pessoa Amada: Amândio
Estão juntos há quanto tempo: quase 2 anos
E casados, há quanto tempo: 1 ano
Local em que se conheceram: Segredo!
Quem deu o primeiro passo? Ele, convidou-me para jantar.
Já te deu flores: Não. Só um bamboo. Que até prefiro.
A coisa mais doce que ele te deu: Um anel com uma inscrição linda, que não vou contar.
Um sonho dos dois: Sermos felizes e envelhecer juntos
Uma curiosidade do casal: Tivémos os dois outros relacionamentos de casamento marcado, é o destino a juntar-nos!
Quem tem mais ciúme? QB os dois
Ele dá-se bem com a tua família? Sim
E tu com a dele? Sim



Outro:
Sabes dirigir? Sim
Tens carro/ moto? Carro
Falas outra língua? Inglês desde os 6 anos, Francês e Espanhol arranho, Alemão percebo algumas coisas poucas.
Coleccionas algo? Moedas de euro diferentes, mas nem sei onde pus a colecção.
Falas sozinha? Sempre.
Arrependes-te de alguma coisa? Imensas.
Religião: Acredito nalguma coisa superior, mas não sigo nenhum credo.
Confias nas pessoas facilmente? Não.
Perdoas facilmente: Nem por isso.
Dás-te bem com os teus pais? Sim.
Desejo antes de morrer: Ser feliz. E já agora viajar mais.
Maior medo: Perder quem amo, não sentir realização no que faço.
Maior fraqueza: Emociono-me facilmente.Não encaro bem elogios e críticas.
Tocas algum instrumento? Um bocadinho de flauta. De resto nada.

Alguma vez...
Sorriste sem razão? Sim, sim.
Riste tanto que choraste? Também.
Escreveste alguma poesia: Já escrevi.
Cantaste em público? Nesses casos mexo os lábios, só. Sou tímida nalgumas situações em que não me sinto confortável.
Fizeste alguma performance em palco? Só de dança. E cantorias, na escola.
Andaste de Patins? Andei mas não tinha jeito.
Tiveste alguma experiência que quase morte? Não.


És...
Lutadora: Sim, dou a volta por cima e venço sempre, até agora!
Mandona: Tento ser só com os meus alunos, mas às vezes também sou fora das aulas.
Amigável: Nem sempre (dizem as más línguas que tenho mau feitio, mas estou sempre pronta a ajudar todos)
Sonhadora: Sempre.
Timida: Quando não conheço as pessoas ou não estou à vontade, sou.
Energética: Tenho costelas alentejanas. Mas sou muito assim: se é para fazer, faz-se já e bem feito! Por isso, acho que sou enérgica.
Feliz: Sou
Depressiva: Tem dias
Engraçada: Tenho a resposta sempre pronta e tenho muito sentido de humor, embora diga as coisas com o meu ar sério, acho que todos me acham piada. Perto de mim ninguém anda mal disposto.
Chata: Sou um bocado, sou.
Má: Nunca. Nem a quem me fez mal eu desejo mal.
Confiável: Muito
Esperta: Podia ser mais. Às vezes tenho o coração mais perto da boca e prejudico-me.
Dependente: Da família, dos amigos, da saúde.
Quieta: Sim
Estranha: LOL. Acho que não.
Modesta: Sim
Indecisa: Sim, às vezes
Educada: Sempre
Criativa: Muito.
Preguiçosa: Tenho alturas. Lido bem com o stress, entrego-me às coisas e faço o que tem de ser feito e mais um bocado.
Assustadora: Bu!
Optimista: Tenho dias.
Curiosa: Sim, sempre
Determinada: Sempre
Honesta: Sim
Teimosa: eu até sou teimosa a dizer que não sou teimosa.
Romântica: Há alturas
Ciumenta: Pouco
Sincera: Sempre
Tolerante: Nem sempre
Racional: Sim
Pontual: Sim. Não gosto de fazer esperar, normalmente espero eu.

Mais...
Como te sentes hoje: Com frio!
O que te faz feliz: Fazer os outros felizes, ser feliz, ouvir música e sonhar acordada.
Com que roupa está agora? Pijama.
Cabelo: Solto
Brincos? Só tenho o piercing agora.
Algo que tu fazes muito: Dizer Amo-te!
Conheces alguém que faz anos no mesmo dia que tu? Sim, a minha sobrinha linda com o mesmo trauma de fazer anos no primeiro dia do ano.
Estás confortável com o teu peso: Estou.

Acaba a frase...
Gostaria de ser... mais Alta
Eu desejo... ter filhos e Ser feliz
Muitas pessoas não sabem ... umas coisas que não conto.
Eu sou... empenhada.
O meu coração é: grande, imenso.

Dou o selinho a 10 meninas:

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

As diferenças



No dia do meu 33º aniversário (1-1-2010)



Hoje (dia 22 de Novembro de 2010).


Achei piada por estar com o mesmo vestido. Antes nem o casaco despia, a cara estava uma bola, a pança gritava socorro, até tinha de vestir isto com calças.


Diferença...uns 15 quilos!?!
Agora emagreci, espero engordar somente se pensar ser mãe, ao menos engordarei por bons motivos.
Jocas!

Selinho quentinho

Selo oferecido pela Alexandra.
Perguntas e respostas:

1 - Barzinho ou Balada? Barzinho
2 - Beijo na boca ou abraço? Depende. Se for do A, venha de lá o beijo. Abraços é bom também. Não podem ser os dois?
3 - Café ou Coca-cola? Café (puro, Nespresso, de preferência!)
4 - Limonada ou caipirinha? Caipirinha às vezes, limonada sempre.
5 - Salto alto ou rasteirinha? Salto alto. Rasteirinha só para a praia.
6 - Batom ou rímel? Rímel.
7 - Frango ou peixe? Peixe (ai tão bom). Mas também gosto de frango.
8 - Saia ou calça jeans? Jeans, sempre.
9 - Cinema ou praia? Praia. Mas muitas horas não, se faz favor.
10 - Livro ou TV? Vergonhosamente, ultimamente é mais TV que livro.
11 - Menina ou mulher? Ar de menina, cabeça de mulher. Irresponsabilidade QB.
Oferecer a 5 blogs:
Et voilá!

domingo, 21 de novembro de 2010

Fada do lar


Eu não sei que me dá nuns dias assim, mas hoje além da sopa resolvi fazer novamente empadas de camarão (massa inclusivé) e bolinhas de pão de cereais. Além disso foi a limpeza da casa, o ir almoçar a casa dos papis.
Estou assim no final daquela altura do mês, ando com uns apetites por tudo o que não devo, mas o peso anda ali pelos 58,5kg depois um bocado mais ou menos, na minha balança. Desde que não suba definitivamente, pronto, embora ainda quisesse descer aos 57kg. Mas nem ginástica tenho feito, ontem fiz uma caminhada de uns bons km, ando imenso nas aulas, acho mesmo que não me chego a sentar, e como tenho sido rigorosa com as entregas dos trabalhos dos meninos, nem intervalos tenho tido (eles estão a acabar os trabalhos depois de terem andado na ronha), nem tempo para ginasticar (vá, tinha obrigação de fazer a bicla, mas a vontade, jezuzzz). Claro que também não bebo tanta água como no Verão, porque intervalos só de 90 em 90 minutos e como nem sempre os tenho e não posso andar a caminho da casa de banho.Gaja sofredora, eu, por esta altura já vos pus a chorar (ou não, ou não).
O almoço nos papis é sempre um drama. Ora há sempre coisinhas boas que eu não tenho propositadamente, ora tenho de ouvir o A a dizer que como mais que ele (ele que coma mais, porra), e a criticar porque comi uma fatia de manga e uma castanha no final da refeição. É a discussão semanal, relativa ao assunto alimentação. Eu não acho que seja assim um crime tão profundo, que acham vocês?
Passo a explicar: O homem ficou assim porque pesava mais uns bons 15 kg há uns meses, perdeu imenso peso porque fechou a boca. Ou seja, come só sopa e salada ao almoço, cereais com proteína (um pó manhoso) ao pequeno almoço e ao jantar, e acha que faz muito bem em fazer esta alimentação. É que nem vale a pena o facto de eu dizer que não faz nada bem em fazer essa alimentação, porque como eu andei numa naturopata que nem é médica, como ele frisa, e até tomei uns comprimidos, não tenho razão e tal e tal.
Enfim, claro que hoje almoçou normalmente e ainda comeu empadas e pão acabadinho de fazer (chama-lhe parvo). Mas sinceramente a longo prazo tenho receio que isto lhe faça mal. Eu ainda queria envelhecer ao lado dele, e ter filhos e tal (já agora podia era ter vindo sem aptidão para as discussões que temos às vezes, mas, pensando bem, no outro relacionamento grande que tive, durou 10 anos e só discutimos uma vez, que foi a fatal, acho que prefiro assim como estou agora).
E pronto. That's all folks!

domingo, 14 de novembro de 2010

Toma juízo

Como cantava este senhor. O corpo é que paga.

Olá! Estes dias tenho andado a fazer disparates.
Se não veja-se: na sexta, depois de uma semana "daquelas" de trabalho intenso digo ao A: "apetece-me uma francesinha". E então, esta mente brilhante lá foi. Ainda que seja a versão mini, prato de criança, lá empaturrei de bife, salsicha, fiambre, queijo, batata frita...tudo embebido em molhanga. Ora bem. Sobremesa tive o bom senso de não comer. Nem a francesinha consegui acabar, diga-se, mas foi quase toda goela abaixo.
Sábado tinha combinado uma noite de jogatana em casa de uma amiga e pus novamente a mente brilhante em cena. Ah e que tal levar um bolo? Andei a ver e fiz um bolo de canela que se faz no micro ondas. Ora eu no micro ondas é melhor só aquecer coisas, é o que sempre digo, pois cozinhar nunca correu bem. Resultado: ficou com um ar meio cru e rijo nas bordas, então optei por levar umas nozes para se mordiscar, e ficou cá o bolo. Quem o comeu? A mente brilhante e o A. Claro que não consigo ter um bolo ali a rir para mim sem o estraçalhar. Já foi.
Ainda de referir que a amiga tinha feito bolachas de chocolate e scones (comi 2 bolachas e um scone com manteiga) e amendoins com mel e com sal, e entre uma jogada e outra catrapumba, cá vai disto. Menos mal ter comido delícias do mar e as ditas nozes.
Aliado a isto andar a almoçar com os meus pais e ter castanhas assadas ali disponíveis. Mas também só comi 2 e um nadica de batata doce.
Agora para me redimir, fiz o panelão de sopa. Sem batata! Courgette(2), cenoura (2), pimento, tomate, nabo (1/2), cebola, abóbora, grão(100 gr) e espinafre. Sem azeite ou gordura de outra espécie. E agora livra-te, menina da mente brilhante, de fazer mais bolachinhas de canela como na semana passada! E livra-te de andar a abusar nos queijos (eu não bebo leite, então como iogurtes e queijo, uma fatia generosa de manhã e uma ao jantar com a sopa, mas acho que tenho de começar a abdicar disto, pois já vi mais 500 gr na balança).
E prometo que vou voltar à bicla, até nos dias das reuniões, vou deixar de pensar que aí é impossível.
Se não quero ficar novamente inchada, tenho de tomar juízo.
Beijocas!

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Selo

Tenho um selo! Eu às vezes nem vejo estas coisas...
As regras:
Indicar 10 amigas, postar quem ofereceu e dizer o que me deixa nas nuvens.

As amigas: quem quiser é bem vindo!
Quem ofereceu: Erase Pounds (uma mulher do norte cheia de bom humor) e a Alexandra (um exemplo de perseverança e de realização e mulher do Norte, também).

O que me deixa na nuvens: conseguir ser feliz!

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Biggest jerks


Andava aqui a ver os blogs alheios e lembrei-me que ontem, ao ver o Biggest Looser, fiquei com a certeza que odeio gentinha parvalhona. Aquela com nome de remédio que se besunta no peito (Vicky), mais o trongas do maridinho feioso e desengonçado (brady), amigo, prefiria enfrascar um frasco de picante (ver blogue da Alexandra) a estar ao teu lado, deves cheirar a sovacame. E a outra Heba, nem sequer te nome de gente, chispa ódio dos olhos e grita que nem uma porca histérica.

Pronto fico contente que ganha uma pessoa que não é nenhuma destas. Valha-nos isso.


Fica o desabafo.

De resto ando a fazer o possível para me portar bem, se bem que o desporto tem sido difícil. Ela é reuniões, trabalho na escola, trabalho em casa, putos armados aos cucos e eu atirar coelhos da cartola.


É a vidinha, já me passou a neura do outro dia. Que remédio. É viver e deixar viver! E tentar ser feliz nos entretantos, já agora.


Fico feliz por vos ler!


Beijos

domingo, 31 de outubro de 2010

Há dias assim.


Há dias em que acho que não faço nada, nem falta a nada nem a ninguém.

Repare-se: tirei um curso superior que neste momento me permite fazer uns trabalhitos pequenos, grandes não porque parece que não seria capaz. Quando pego em algo de maior escala,é uma dificuldade, não sei imensas coisas (de tanto não fazer até me esqueço de coisas simples).

Depois enveredei por outra área que também sempre me agradou. Mas aí também parece que nunca sei nada ou tenho dias em que acho que não dei nada de novo, e simplesmente me sinto a dar pérolas a porcos.

Noutras questões, há quase 3 anos sofri um grande "baque", desilusão que me leva até hoje a pensar que nada é certo e adquirido, e muitas vezes acho que de um momento para o outro tudo se vai esfumar. Embora esteja muito bem com a pessoa com quem vivo e partilho tudo, há noites que sonho com coisas que me atormentam. Acho que não conseguia passar por tudo de novo, não sem enlouquecer. Quando me dizem que pareço ter uns laivos de tristeza no olhar, devem ser essas coisas que me passam no pensamento. Amo-te mas tenho medo de te perder, é o que te respondo! Porque sou insegura e não tenho grande auto estima.

Os amigos, outro problema...com os anos percebemos que as pessoas não ligam se tu não ligas, acham que têm esse direito. É talvez o que mais magoa, seres sempre tu a ligar, a combinar almoços e raios que os partam...(Depois houve grande parte deles que eu sei que afastei, mas teve de ser para manter a minha sanidade mental.)

Acabas por ter 2 ou 3 amigos com quem falas mais, e pronto. Mas depois olho para o A, e vejo que saio muito mais com os amigos que ganhei aqui desde que nos conhecemos, que com aqueles que já tinha. E pensas, porra, o problema devo ser eu!

Depois tens planos, pensas que as coisas se desenvolvem assim e assado, e casas porque gostavas da festa e queres ter filhos e já estás com 33 anos e há entraves. E ficas à espera que se "desentravem", ao mesmo tempo que vês outras pessoas a viver esses momentos e tu tens de sorrir e dizer parabéns sentido uma inveja maluca que tem de ser silenciosa. Tipo uma amiga que te conta, feliz da vida: "Olha estou grávida" e tu não consegues ter mais que um sorriso amarelo e um sentimento horrível, parece que o choro se entala na garganta.

Portanto, parece-me muitas vezes que estou sentadinha num sofá a ver um filme. Por acaso participo no filme, mas nem deixo cá grandes marcas.

E aqui fica o desabafo, nada a ver com alimentação. Tem a ver comigo. E este blogue também sou eu, a rapariga com ar de fortaleza inabalável, que supera tudo e anda sempre bem disposta.

Mas há dias assim...

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Ladies and gentlemen...Missão cumprida.


Olá.
Hoje fui à médica. 58 kg! Até estou emocionada. Ela diz que já estou bem, agora é só ir lá de mês a mês para controle, continuo a fazer a mesma alimentação mas agora acrescento pouca quantidade de arroz/massa/batata.
Claro que eu acho que é mais correcto perder mais um bocadinho, pelo menos um kg, e ainda hoje ao almoço comi só um bife grelhado, salada e ovo estrelado. A sra bem insistiu para comer o arroz, mas eu não comi. Acho que vou comer massas só eventualmente, não por norma.
Até porque o desporto tem andado mais fraco, só mesmo a bike. Uns dias 3km, noutros 4 km, mas não tenho falhado.
Estou como a Alexandra, já atingi os objectivos mais ou menos e agora tenho um bocado de receio da fase de manutenção.

Em relação ao trabalho, está sempre a dar! Mas neste panorama, ao menos tenho de agradecer ter emprego, por mais que seja um contrato temporário mais umas coisitas aqui e ali como freelancer. Como este país anda, é mesmo muito bom.

Beijocas!

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Entupida


Pois é, cá estou eu a passar por uma constipação.

Episódios diários desde sexta feira:
Comecei a ter dores de cabeça, ah e tal é o período, toma lá trifenes. E a coisa não passava.
E doía-me o corpo. Raios parta tanto trabalho que parece que levei uma porrada valente. Vá de tentar dormir mais um pouquinho, não resulta.
Ah e agora a garganta arranhada, é do esforço que faço nas aulas para falar alto, eu que falo baixo por norma, custa-me tanto! Toma lá com a abençoada pastilha e o xarope.
Hum...o nariz a pingar. Toma lá o belo do pingo para ver se respiras.
Atchim de manhã à noite.

Bom, se calhar é gripe...melhor mesmo medicar convenientemente. Pumba! Sinto-me um bocado xoxa ainda mas à custa do Cêgripe já estou a melhorar. O pior é que aquela porcaria dá-me a volta ao intestino. Bom, é da forma que limpo tudo. Siga!
Amanhã vou à pesagem, sinceramente nem sei que diga, o peso parece que agora não quer descer. Quer dizer, ele desceu, mas pouco. Amanhã actualizo.
Claro que também não ajuda o copinho que bebo quando saio e o jantar de aniversário onde marchou uma lasanha de camarão e espinafre e um pedaço de bolo de chocolate e leite condensado. É só comigo, ou sempre que como um doce (destes a sério, não é das bolachas integrais fraquinhas que eu como) me dá uma necessidade nos dias seguintes, pareço drogada, viciada no açúcar no sangue...aiiiiii. Ainda bem que não tenho doces por aqui, se não acho que tinha apanhado uma overdose (ou ervedose, como diz alguém que eu conheço).

Vou continuar a preparar aulas e planificações. O horário é incompleto mas disfarça bem demais.

Beijos!

domingo, 17 de outubro de 2010

Modo controle


Ontem esta menina esteve em frente a uma mesa cheia de pastéis de nata, bolas de berlim, patés, folhados e afins, e...só comeu 3 mini tostinhas com paté, um mini folhado (mais pequeno que um dedo mindinho) e uma fatia de bolo de aniversário. Ai que menina tão linda!
A balança anda ali nos 59, 3...59,6, não há forma de descer mais.
Passei o fim de semana a trabalhar, tirando a festa de anos de uma amiga, nem saí do ninho. O A ainda não voltou, e pronto, é a vidinha que se leva.

Ontem
PA chá e pão integral com doce e fiambre
MM kiwi e 2 bolachas integrais
A frango no forno com esparregado
MT ananás e 2 bolachas integrais
J sopa (mais os patés e o bolo de anos na festa)
C chá

Hoje
PA chá e pão integral com doce e fiambre
MM kiwi e 2 bolachas integrais
A camarões grelhados e salada
MT 2 ameixas e 2 bolachas integrais
J sopa e um queijinho fresco
C iogurte e 2 bolachas integrais

Tenham uma boa semana!

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Saem umas empadas quentinhas!

A pedido da Sweet68, cá vai a receita das empadas que eu fiz. Vi na net e depois, mais uma vez, alterei para o meu gosto.

Empadas de Camarão e Legumes
Ingredientes para a Massa Integral (faço a massa na máquina de fazer pão mas pode ser comprada, só não sei se há integral):
(120 ml) de Azeite
(240 ml) de água morna
250g de Farinha Pão Integral


Confecção da Massa:
Coloque o azeite, a água morna e a farinha integral -eu usei marca Jumbo (que já tem adicionado o fermento para o pão e sal) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa Massa.

Confecção do Recheio:
Fazer um refogado com azeite, a cebola picada e com o alho picado.
Junte o camarão (200 gr daquele pequenito sem casca), 2 colheres de sopa de polpa de tomate, courgette e beringela ralada, milho (basicamente legumes que queiram), dissolver 3 colheres de sopa de farinha em água e juntar (para engrossar o molho).
Deixe apurar durante cerca de 15m e mexer de vez em quando, temperar com sal, pimenta e noz moscada.
Junte água se necessário, para não secar nem deixar queimar.

Confeccionar as empadas:
Quando a máquina terminar de fazer a massa, retirar para a bancada de cozinha.
Dividir a massa em duas porções para ser mais fácil de trabalhar e estender.
Estender a massa com o rolo de cozinha, e com a ajuda de uma tigela fazer círculos maiores (para serem as formas das empadas) e com uma caneca ou copo faça círculos mais pequenos (para serem as tampas das empadas) .
Colocar os círculos maiores de massa numa forma untada (usei óleo em spray) que possa ir ao forno, rechear com o preparado de carne e feche com o círculo menor. Levar ao forno, pré-aquecido a 180ºC, durante cerca de 30m ou até as empadas estarem coradas.

Et voilá! Ficam mais saudáveis principalmente se a massa for integral. Deu-me para umas 15, que congelei e vou tirando quando quero deliciar-me.

Adaptei a receita daqui:
http://www.receitasmfp.com/2010/10/empadas-rusticas-de-carne.html
Sendo estas de carne e a massa não é integral, de qualquer forma serve para consultarem o blogue e ver as fotos da preparação. As minhas não ficaram assim tão perfeitinhas, mas estão bem boas.


E continua!


Continuam as boas notícias. Descobri que nas minhas 5 turmas, em 3 tenho alunos do ensino especial. Ou seja, planificações especiais. Ai raios mas porquê?

Dou por mim a pensar que ao coleguinha do horário fantástico que eu não pude escolher porque houve um estúpido que estava à minha frente na lista que o escolheu (ao horário) e depois desistiu, deixando-me com a batata quente. E depois vem um menos qualificado que só tem turmas fáceis e só tem uma disciplina e arrebata-o!

Mas pronto, não me queixo mais porque nestes dias de aperto, ter emprego é uma benção. Mas eu sou refilona por natureza, depois engreno e faço tudo com a velocidade necessária.

Bom, e o menú?
PA chá, pão com doce e fiambre de frango
MM 2 bolachas integrais (nem tive tempo para mais)
A 4 empadinhas (pequenas) de camarão e legumes feitas por mim e salada de tomate
MT ananás e grãos de soja tostados
J sopa e um queijo fresco
C iogurte e 2 bolachas integrais

Fiz 5 km de bike (é mais rápido que o combat) e bebi o drenante do costume.

Com isto me despeço, vou espreitando os vossos cantinhos.
Hoje nem sei se consigo dormir, o A teve de ir à Santa terrinha e só volta na Segunda (e eu não podia estar a faltar na Escola). Já nem me lembro da última noite que dormi sozinha...

Só quero que a viagem corra bem e que volte depressa para os meus braços. Já tenho saudades e ainda agora saiu.

Beijocas!

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Cabeça em água


Olá

Só para dar a conhecer o menú, pois hoje tive um dia daqueles...turmas chatas conversadoras, e depois, uma reunião para falar de avaliação e o raio que os parta, que eu não retive nada da conversa pareciam galinhas a falar uns em cima dos outros. Como hão-de os alunos comportar-se em aula se os professores são piores nas suas reuniões?
Além disso a minha coordenadora anda a dormir, é boa pessoa mas tem as coisas todas e não me manda via mail porque é uma atrofiada frente ao PC. Ai ai ai. Organiza-te, Só comigo da Silva!

PA chá e pão com doce e fiambre de frango
MM 6 uvas e bolacha integral
A bife de perú grelhado com tomate
MT maçã e 100 gr de grãos de soja tostado (por aí, em pouca quantidade)
J sopa e fatia de requeijão
C iogurte e bolacha integral

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Tempestade

Hoje apanhei uma molha do catano. Diziam os alunos que estávamos isolados, e eu sem acreditar. Quando vi o tempo, chovia "cats and dogs", estava tudo alagado e desconfio que salas alagadas (aquela por acaso não). E eu com o chapéu de chuva no carro, ai muito bem, que por sua vez está no estacionamento fora da escola. Além disso resolvi levar umas botas pipis, de salto alto, e então era ver-me calmamente a andar (para não me espalhar) à chuva e no meio da lama das obras da escola.
Parecia um pinto.

Em relação à RA:
PA chá e pão integral com doce e requeijão
MM 6 uvas brancas e 2 bolachas integrais
A frango frito (no restaurante ao lado da escola, sem grande opção) e salada (embora a senhora quase implore para experimentar o arroz dela)
MT maçã e 2 bolachas integrais
J sopa e fatia de requeijão
C iogurte magro e 2 bolachas integrais

1.5 l de drenante e uma aula de combat caseiro.

Amanhã já vou ter uma reunião. Nunca vi uma escola com tanta burocracia e obrigação, palavra!

Beijocas

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Report


Ora o prometido é "de vidro" como diz o sábio, e cá estou eu a confessar a minha comezaina.

PA chá e pão com doce (caseirinho e com pouco açúcar) e requeijão
MM Não comi, esqueci-me.
A Basicamente os restos do fim de semana-resto da tarte de camarão, um bocadinho de salmão fumado e salada de alface
MT Maçã, duas bolachas integrais e uns grãos de soja torrados
J sopa (sem batata) e uma fatia de requeijão
C vai ser: iogurte e duas bolachas integrais.

Hoje de manhã andei 3km na bike (que castigo) e de tarde, depois de vir da escola onde tive uma aula de gritos (desconfio que a minha voz se vai como foi no ano passado, tenho dificuldade em projectar a minha voz e por defeito falo baixo, e com as crianças que não se calam...) ainda fiz uma aula de combat, na sala.

De resto, ando mesmo com muito trabalho, mas noto que o combat me relaxa e me orienta um pouco. Não ando é organizada. Mas chego lá.

O peso está ligeiramente mais baixo, mesmo com jantar especial no fim de semana. (leite creme incluído...coff coff).

Beijocas larocas!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Passo rápido, passo lento!


Tenho andado numa roda viva. Passo rápido!
Recomecei a dar aulas, como já tinha dito e estes tempos iniciais são sempre atribulados. Enquanto não me puser a par de tudo não relaxo. O que sinto falta? Do meu desporto! Tenho mesmo de me organizar.
Em relação aos objectivos de peso, ando em passo caracol.
Hoje fui à médica, perdi 300 gr em duas semanas.Fantástico.
Desci bem na massa gorda e no volume (comprei umas calças há um mês, já não estão bem sem cinto). Estou quase lá mas demooooora!!!
Agora farto-me de andar na escola que tem umas condições precárias como eu nunca tinha visto, ele é lama, é chuva dentro do contentor (sim, contentor) onde dou aula, ele é não ter uma cadeira para me sentar...mas não tenho mesmo feito o combat caseiro. Ai menina, tu orienta-te, que em Janeiro vais estrear os pavilhões novos e fantásticos que ali estão a rir!
E para ajudar mais apareceu um trabalho paralelo para fazer, e eu sem saber para onde me viro. Tenho aulas para preparar...imensas!

Beijocas minhas queridas!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Comentários

Minhas queridas, não consigo comentar nos vossos blogs. Agradeço as todas os comentários, e estou entusiasmada com esta nova etapa, nada de castigo. Só já sei, pois não é a primeira vez, que vou ter dias menos bons no meio dos bons.
Beijos!

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Ready? Set. Go!


Finalmente fui contactada e parece que amanhã já começo a "conviver" alegremente com 30 adolescentes num espaço fechado durante 90 minutos, depois mudam os cromos (menos eu). Dias bons e dias menos bons virão! Fiquei num horário até ao fim do ano lectivo mas a escola é um bocado fora de mão. De qualquer forma, garanti o primeiro passarito na mão, não vá o destino não me dar outro. Se entretanto surgir, logo penso o que faço.
Tenho andado a fazer umas coisas na área da minha formação, mas isso não me dá um ordenado, por isso vem em bom tempo a volta ao ensino depois de dois meses de pausa. Mas vou ter saudades deste silêncio, meninas. É a vida, e eu não gosto mesmo é de ter um emprego das 9 às 18 com patrões retardeds, experimentei e não gosto, só volto se tiver mesmo de ser...
Claro que soube ontem que ía começar amanhã. Nem sei quantas turmas são, nem que anos são. Sei a disciplina mas o programa é um bocado elástico. Lá vou eu encher chouriços até conseguir orientar-me. Nesta disciplina já dei (sem perceber nada) hortofloricultura, electricidade, energias... e desenho(aqui percebo). Mas por acaso eu não sou gaja de me deixar ir abaixo, sempre agarrei as coisas do estilo: "ok, é para dar isso? então eu mato-me a estudar nos bastidores, para ensinar". Siga, esforço inglório ou não, eu faço-o!

Portanto, é isto...
Trabalho? Está-se a compor.
Alimentação? Allright, porto bem, na mesma. Excepções poucas. Linda menina, tap tap!
Desporto? Nada, agora consegui acertar com o carregador do PC directamente projectado das minhas mãos para o dedo grande do pé esquerdo. Ficou um bocado inutilizado, o dedo, e fartei-me de praguejar. De tal forma que o Combat tem andado arredado.
Peso? Na mesmíssima. Ora desce ao 59.5 ora volta ao 59.9. Mas eu chego lá!

Bjocas e uma boa semana (esta é mais curta), que amanhã vai começar uma nova etapa para mim.

domingo, 26 de setembro de 2010

Tarte de legumes.


Ora a mamã fez anos na sexta feira, e hoje fomos almoçar a casa dos papás. Resolvi fazer uma tarte de legumes, para juntar ao presente que lhe ofereci.
Este fim de semana foi pródigo em desgraças, ora almoço fora com direito a batata frita(poucas) e um pedaço de tarte de maçã com gelado (roubei duas colheritas só), ora jantar no japa na sexta, ora ontem almoço com os tios do A onde marchou alegremente uma fatia de tarte de nata, ora hoje almoço novamente e não recusei uma fatia de bolo de aniversário cheio de chocolate por todo o lado.

Para me redimir, ora cá vai, vi a receita algures pela net e claro, vá de inventar. Só vos digo que não sobrou nada para memórias futuras.

Colocar um fio de azeite e cebola a refogar.
Bater 3 ovos com 150 gr de queijo ralado. Juntar courgette, cenoura e beringela (tudo passado na picadora, a gosto nas quantidades) mais uns bocados de salsa. Juntar ao preparado de cebola, depois juntar um bocadinho de farinha (acho que meia chávena chega), sal, pimenta. Vai ao forno cerca de 45 min a 180º, numa forma forrada a papel vegetal.

Fica bem bom e é relativamente saudável. Até estou a pensar um dia destes acrescentar frango ou atum. Serve de refeição quando estiver finalmente colocada e tiver de almoçar as porcarias que existem pelas escolas.

Beijos

PS: acho que o 5 da balança amanhã não aparece...

sábado, 25 de setembro de 2010

Sopa de grão e espinafres.


Eu não sei porquê, mas agora apeteceu-me colocar aqui a minha sopa acabada de fazer. Fui ver a receita mas como de costume, inventei. Cá fica:

1 fio de azeite
1 cebola
3 cenouras
1 alho francês
1 courgette
1 lata de grão (eu cozi o meu que tinha seco)
1 punhadinho de hortelã (tinha para ali no congelador e nunca mais se gastava, siga...)
sal qb

Azeite no fundo do tacho, colocar a cebola e deixar amolecer. Colocar os ingredientes: 3 cenouras, 1 alho francês, 1 Courgette, grão, a hortelã, sal qb e deixar cozer. No final, depois de passar com a varinha mágica, colocar os espinafres cortadinhos. Ficou um must!
Foi o meu jantar. Nhami!
Coloco em tupperwares mas não congelo, entre os meus jantares e as malgas enormes que o A come, vai num instante, o que é óptimo, porque eu enjoo das sopas ao fim de 3 vezes seguidas. Esquisita, pá!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Amigos novos!


Ora bem, dia de pesagem na médica.
Menos 600 gr. Bah. Mas estou na red zone, não tenho ido ao gym, mas faço combat em casa e já não estava na casa dos 50 desde 2006! Bolas, é bem bom ver o 5 na casa das dezenas. Sinto orgulho. Mesmo que sejam 59.9 Kg.
De resto a médica disse-me para comer mais ananás e kiwi nos lanches (sem misturar, ok?). Ora bem, e a gelatina também nesses intervalos em vez de fazer de sobremesa depois da sopa ao jantar.
Pronto, siga, lá foi a S ao Continente e trouxe kiwis e ananás à farta. Os meus novos amigos.
Já falta pouco para a fase de manutenção chegar.
Beijocas.
PS: O ananás pode ser em lata. Kiwis não aprecio (comia para ajudar o intestino a funcionar, só), mas apartir de agora, vinde a mim, meus pequeninos!

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Mau mau maria!


Caramba, mas baixas ou não? Raios te partam, rogo-te uma praga que nunca mais és nada na tua vidinha triste!
Foi a minha conversa com a balança hoje de manhã, e tenho dito!
E a estúpida provocadora deu-me mais duzentos gramas. Ai tás tás!

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Prova real



Encontrei fotos deste ano minhas no Facebook de uma amiga, eu não tinha nada disto. Ora enchi-me de coragem para as mostrar. Nota-se a diferença! Eu sei que também não era um caso gravíssimo, mas estava bem redondinha. E seca não estou, estou a equilibrar-me.
As primeiras fotos em Abril, com 70 kg, se não mais.
As últimas, Agosto, com 62kg.
E já tenho menos 1,5kg!

Beijos

Balanço da balança


Olá

Depois das minhas vacances com asneiras e sem desporto, lá fui hoje à médica. Menos 1,6kg. Ou seja, 60.5kg. Nove já voaram desde Maio.
Estou a 3 kg do meu objectivo (ok, talvez tente perder mais 2kg para me precaver). Fiquei contente, e já me falou em manutenção. Ora alimentação regrada e desporto.
Hum...este ano o desporto provavelmente vai ser difícil, depois conto porquê. Ando mesmo ansiosa...

Beijocas!

sábado, 4 de setembro de 2010

Gelatina


Olá

Agora sim, anda tudo a reparar que estou mais magra. Ora foi um grupo de amigas, ora a família do A, ora a rapariga da depilação. Ora algumas destas pessoas não sabiam que eu estava a fazer esta reeducação alimentar, por isso acredito nessas (as que já sabiam, dizem por simpatia, acho eu).
O problema agora prende-se com o guarda roupa. A roupa que tinha cai, principalmente as calças já nem com cinto lá vão, e como eu sou mesmo muito jeitosa para coser seja o que for, ou espero que a mamã volte das prolongadas vacances, ou aperto o cinto até ficar tudo enrugado. Lindo.
A roupa que tinha antes, tem outro problema: é que gosto mais das que tinha agora. Cheira-me a compras forçadas. Ora sem colocação por enquanto, não sei quanto vou ganhar, e depois ainda há outra coisa, que é o facto de eu ainda querer perder uns quilitos. Vou comprar agora calças para quê? Para me ficar largo? Ora então cá está o meu problema explicado. Vou ter de andar com este ar de quem pediu as calças ao pai durante algum tempo.

Em relação a outra coisa, conhecem algumas gelatinas sem açúcar jeitosas e em conta e de preferência de origem vegetal? Sei que há da Alsa e da marca Minipreço. São boas? É que aquilo é bom para quem anda a emagrecer, ajuda a combater a flacidez da pele.
Beijos!

PS: Semana que vem vou ao controle da naturopata. Ela que não se ponha com sermões por não chegar já aos 58kg, ainda a meto no canto da sala com orelhas de burro.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

De volta à rotina.


Olá
Finalmente voltei para casa. É bom ter férias, mas sabe tão bem chegar ao nosso espaço, ao nosso cantinho. Nesta semana nem sei as porcarias que comi, ela foi quiches, foi doces (2 sobremesas cheias de leite condensado e um gelado de uma bola de cheesecake), ora carne com molhos, ora peixe com molhos... Depois não tinha o meu pãozinho especial, e ainda comprei vaca que ri magra porque senão era só manteiga gorda.
Eu juro que fiz o meu melhor, andava que me fartava. E ainda nadei na piscina duas tardes, mas com a população que lá estava, nem duas braçadas dava sem levar com um emigrante em cima, em versão mergulho bomba.
Chegámos ontem, depois de uma viagem de 5 horas e meia. É uma canseira (então quando vamos ao fim de semana...). Foi chegar e fazer sopa, e o pão, e congelar coisas e triturar os tomates para congelar. Tal era o peso na consciência que foram só objectivos saudáveis :)
Hoje pesei-me, a medo. Tenho o mesmo peso que antes de ir, não está mal. Queria estar já nos 58 e para isso ainda tenho de penar. Mas vá lá que não engordei!
Agora, rigorosa novamente!
Beijocas, muchachas.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Sem balança sem controle sem cabeça


E a modos que assim estou eu. Na casa da mãe do A, na santa terrinha que a mim pouco diz e que me aborrece ao fim de um dia. E é uma semana inteira... Agora na semana da festa, é só aguardar pelo fim de semana de missas e de foguetes do fim da festa e depois logo às 8 da matina. Não obstante, ainda passam os homens dos tambores. Não vá eu conseguir adormecer entretanto...Tou tão contente, nota-se, né?
Aqui não tenho balança, só se for à farmácia mas não me apetece encontrar alguém que me conheça. Aqui é o mais natural. Depois, também não sou eu que cozinho. E aqui é só assados e assados e molhos e molhos. E depois sou a esquisita que não gosta de borrego, e de cabidela e de sei lá o quê. (Estas pirosas de Lisboa, pensam as pessoas.) Mas tenho andado a comer pouco, e a acompanhar sempre com salada. Desporto é que nadica, só andar, e mesmo assim...
Enfim, juntando a isto a incerteza profissional do mês de Setembro (professores, always the same trauma), admira-me não estar a atacar a fornada de scones com amêndoa que ali está a sorrir para mim.
Ai, só espero não ir mais gorda!

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Afinal, não tá mal

Pois a conversa com a sra dona balança deu em menos 100 gr que as que levei quando fui de férias.
A ver vamos agora com o resto. Nem me ando a mexer nada, é uma vergonha. Por causa dos hidratos de carbono que comi nas férias ando com uma vontade de comer porcarias.
Cum camandro.

domingo, 15 de agosto de 2010

In between


Cá estou eu, entre estadias em lugares opostos do nosso pequeno Portugal.
Estive estes dias no profundo Alentejo, em casa dos papás. Piscina, natureza, fruta em abundância, legumes. Relax que bem precisava.
Claro que o difícil é conseguir resistir ao menú diário em casa dos pais. Ora sempre perguntam se quero fruta e admiram-se de não a querer a seguir ao almoço, ora dizem: "come só um figuinho, não te faz mal!" ora perguntam: "e um gelado não queres?"- eu digo não e ele aparece na mesma à minha frente. Ora come-se fora e aparecem batatas fritas a gritar por mim e eu emborco não sei quantas e depois parece um combóio desgovernado...ora a cervejinha e o suminho carregado de açúcar que sabe bem.
Acrescido não ter feito desporto (para além de nadar na piscina), acho que amanhã vou ter uma conversa desagradável com a dona balança.
Claro que agora tenho o frigorífico cheio de coisas boas: melão, melancia, figos, uvas, queijos, beringelas, courgettes, beldroegas, espinafres...Depois de arrumar a tralha fiz logo uma sopa das minhas para isto regularizar.
E sexta vamos para casa da sogra. Mais uma semana.E festas da zona, e tudo quanto me tenta desviar do caminho dos 58kg.
Férias são mesmo assim. Mas tirei uma foto de bikini e não é que gosto do que vejo?
Beijinhos

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Agosto tórrido e eu armada em camela


Olá
Afinal não fui ao Sudoeste. Odeio que me aconteça o que está a acontecer este ano. Não ter nada combinado, ou ter e depois no último momento dão raia. Enfim.
Fui à praia, comi as minhas sardinhas e o meu marisco, pelo menos vinguei-me. De resto, está um calor que não se aguenta, e eu mais logo vou para o Alentejo, na falta de planos vou para casa dos papás. A ver se me arrasto até à piscina, mas já vi cara torta de parte interessada (ou não interessada). O homem só quer andar, andar...e eu tudo bem, mas é preciso ser à hora do calor? No fim de semana devo ter andado mais de 10 km nessas circunstâncias, parecia uma camela, ainda por cima a morrer de sede e sem água e sem dinheiro. Oh deserto do catano, essa margem Sul ;).
Vamos lá a ver como corre esta semana. No fim do Mês vamos ao Norte, há festa lá na santa terra do rapaz. E se os artistas são bons, upa upa (uma cambada de pimbas, concerteza).
O peso tem descido lentamente, já vi um 61 na balança, e gostava tanto de ir para a camada dos 50 (pode ser o 58?) já em setembro....
Beijos, boas férias, ou trabalho. Vou ter net restrita nestes dias.